10 dicas para ter um perfil relevante no Pinterest

4 TED Talks sobre Design que vão mudar a sua maneira de pensar
14/12/2015
Planejamento de Marketing para 2016
04/01/2016
Todos

10 dicas para ter um perfil relevante no Pinterest

As novas redes sociais estão com tudo no mundo da publicidade. Pinterest, Snapchat, Periscope: inovação é a palavra certa. No post de hoje selecionamos 10 dicas para ter um perfil relevante e interessante na rede. Dá só uma olhada em alguns “truques” aprendidos e Pin like a Pro! Confira:

1- Tem um site ou blog? Instale o widget do Pinterest na sua página, o botão no seu navegador e ative o compartilhamento do seu conteúdo na rede social;

Para divulgar a sua conta no Pinterest para mais e mais pessoas, o básico é você adicionar o widget na home da sua página (site, blog) e o botão do Pinterest no seu navegador, além de disponibilizar o “Pin it” no seu blog. Assim, quem já for um Pinador, compartilhará facilmente os conteúdos do seu blog na plataforma, gerando ainda mais awareness e audiência para você e seu site.

2- Crie boards específicos para cada tema 

Seguir pessoas e painéis é o que você faz para encher seu feed inicial de coisas legais. Se encontrar alguém que adiciona Pins que você curte, você pode seguir todos os painéis desse usuário ou só os de sua preferência.

Como a plataforma é dividida em categorias de interesse, separe os assuntos que você gosta e crie boards com temas específicos. Assim, quem estiver procurando algo sobre “DIY”, por exemplo, pode ir direto ao assunto naquela sua única pasta.

3- Não use hashtags

Muitas pessoas não sabem, mas a # hashtag não funciona no Pinterest. Para espalhar o seu conteúdo através da rede, você deve usar uma breve e boa descrição do que aquela imagem significa. Isso porque o Pinterest tem indexação pelas palavras e não por #.

Os termos com o caracter # não são indexados na plataforma e não ajudam a achar um pin com mais facilidade. Além disso, trocar uma hashtag por um texto pode ser interessante também para subir de posição nas buscas do Google.

4- “Pine” um pouco a cada dia

Pinar, pinar, pinar. Um pouquinho a cada dia para suas ideias “circularem”. É importante que você importe as matérias do seu site pinando as imagens através do link ou dê repin de outras contas. Siga também as pessoas que tem similaridade com o assunto que você fala.

Assim você vai transformar a necessidade de pinar em vício rapidamente! Vale instalar o app também no smartphone para fazer isso de qualquer lugar.

5- Organização dos boards

Um estudo feita pelo Mashable mostra que os boards que você coloca no topo e no centro da página são vistos por um maior número de visitantes. Então, lembre-se de organizar o seu conteúdo mais relevantes no topo, na linha superior e bem ao meio da sua página de seu perfil.

6- Promova seu Pinterest nas outras redes sociais

Promova seu Pinterest nas outras redes sociais. Vale espalhar o seu perfil no Twitter, Facebook e até nas newsletters que você escreve, incentivando as pessoas a te seguirem.

7 – Crie painéis coletivos e privados

Você também pode criar painéis privados ou convidar outros usuários para adicionar Pins em painéis com você. Se você estiver dando uma cara nova para o quintal, por exemplo, convide parentes para seu painel “Jardim Novo”.

Se o projeto for para um evento especial, e você não quiser que outros saibam ainda, crie um painel privado e só revele o conteúdo para todo mundo quando você estiver pronto. Assim, você pode organizar algumas referências sem ninguém ver ou chamar outros curadores para ajudar na escolha das imagens.

8- Textos ou descrições nas fotos? Dê preferência ao Português!

Quando um brasileiro posta em inglês ele concorre diretamente com perfis que já têm milhões de seguidores, ao invés de concorrer com quem está crescendo agora no país. Se você escrever em português, os usuários do Brasil acharão mais fácil os seus posts sobre tal assunto na rede.

Se for realmente necessário traduzir a descrição do pin para inglês, vale colocar um texto meio a meio, com os dois idiomas.

9- Descrição de um Pin 

A descrição de um pin precisa ter no mínimo três linhas explicando tudo da imagem ou do post a qual o pin está associado. Na rede, as pessoas são atraídas para o conteúdo através da foto no pin. Assim, uma frase sobre aquela imagem pode fazer com que você ganhe mais acessos no blog ou site para onde está direcionando.

É importante que o conteúdo seja bastante detalhado, para que sempre que alguém pesquise pelo termo possa encontrar o seu pin.

10- Se você tem uma marca no Pinterest, mostre o que te inspira!

Se você tem uma marca e quer entrar no Pinterest, seja autêntico. Não divulgue apenas o conteúdo da sua marca ali. É importante que o tema do post seja interessante para o usuário pinar o seu conteúdo, entrar no seu site ou blog e continuar acompanhando, mas vale a pena criar painéis inspiradores também.

Tem uma marca de roupas? Mostre as referências da sua nova coleção, por exemplo, imagens e lugares que possam também ser legais para o seu público e que tem a ver com o que você aborda.

Não esqueça de converter seu perfil para uma Conta Business, assim você poderá acompanhar o crescimento do seu perfil, bem como a viralização do seu conteúdo na plataforma. Verifique seu blog para oficializar a presença e habilitar as análises de resultados (assim, você consegue acompanhar quais dos seus Pins tem mais sucesso, quais as categorias que os seus seguidores estão mais repinnando, observar tendências, dentre outras coisas). Veja alguns exemplos de marcas que tem sucesso na plataforma aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *